sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

Utópico

Série "Curtas", Nº 13


Esse é um cenário improvável, mas devo ressaltar o meu desconhecimento do cenário atual. Esse cenário é o mais utópico possível. 

Ela descobre efetivamente o autor de algumas cartas, algo que ela procurou durante um bom tempo, e ela realmente não sabia quem o mesmo, mas eu descubro uma forma sutil (não sei qual) de me aproximar dela. 

E de fato ela tenha se encantado pelas palavras primeiramente (improvável), ela procurou tentar saber desesperadamente durante um tempo de quem era de fato a carta que foi deixada na caixa de correios em um certo dia, a qual estava anônima, e quando ela descobrir que for eu, ela irá desacreditar durante alguns segundos, sentirá um calafrio na espinha por saber que aquela antiga presença, aquele cara estranho e diferente, era realmente a pessoa apaixonado por ela.

Inacreditável seria a minha reação  de saber a alegria que ela teve, a alegria será compartilhada entre nós dois e nada terá que ser dito ou argumentado, simplesmente iremos cair um do noutro em um beijo extremamente apaixonado e intenso, e finalmente sentirei o gosto do seu beijo, o cheiro de sua pele e de seu cabelo, e é esse cheiro que eu terei certeza que é o que irei sentir pro resto da minha vida...


"É grande a satisfação que sinto ao saber de sua presença, seu caminhar, e eventual olhar..."

Nenhum comentário: