quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

Não tenho nenhuma fotografia

Série "Poesias e Devaneios", Nº 12


Não tenho nenhuma fotografia sua. Não, e não adianta ficar impressionada, eu não tenho nenhuma foto sua, e isso me faz bem.

Não faço questão de ter uma imagem pré-fabricada sua, prefiro exatamente a imagem que tenho na minha memória e no meu coração, prefiro saber que você é viva em cada canto e em cada pixel de minha memória, prefiro ter você em cada centímetro de sorriso, os quais não foram pra mim.

Prefiro nunca ter uma fotografia tua, e nunca vou ter, pois sua imagem nunca deixará de ser viva em minha memória!

Sigo te amando, e te querendo.


"A questão é que eu sigo te amando! Sem você saber obviamente! "

Nenhum comentário: