terça-feira, 9 de dezembro de 2014

Ausência

Série "Reflexões Pessoais", Nº 8


A falta de continuidade. Normal, ou não. Duas ou talvez três pessoas acabam por me cobrar a repentina falta de texto aqui. Mas não há nada pra se fazer no momento. A falta de continuidade está aliada à minha desmotivação. 

Sim, ando desmotivado. Dúvidas e anseios. Normal ou não, sempre tentei manter mais ou menos um ritmo constante de escritas.

É fato que só passo a realmente existir no papel, em cada palavra letra ou vírgula. Isso é a essência do que eu realmente sou, pois não demonstro exatamente meu eu, de forma que quem me conhece talvez não me conheça por si só.

Triste é o fato de falar e não poder ouvir a resposta. Triste o fato de parte do que sentimos ser colocado no papel, ser lido por outra pessoa, mas não poder receber a resposta, ao menos que essa situação seja temporária, está durando mais tempo que o necessário, com praticamente nenhuma perspectiva de mudança a curto prazo. Estou levando a situação como posso.

"não irei ficar no anonimato por muito tempo"

Nenhum comentário: