segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Confie em Mim

Série "Poesias e Devaneios", Nº 28


Nem na prática nem na teoria, precisa de mais nada.
Agora que você me iluminou, com o que você tem, seu amor imenso.
Tanto dentro como fora.
Confie em mim desta vez
Confie em mim porque

Confie em mim e verá
Confie em mim e não acabará mais....
Tenho um desejo escrito em um lugar bem guardado
Inclusive que já está voando
Meu pensamento não depende do meu corpo

Um grande espaço entre você e eu
Um céu abertos que já, haverá
Nos prende a nós dois, fortemente
Pois sabemos o que é necessidade

Viva minha vida sem medo agora
Que seja uma vida ou seja uma hora, um momento
Que sinta que eu poderei aparecer aí
Não deixe livre, aqui vazio, totalmente!
Meu novo espaço que agora é você. Eu te imploro!

Me viva sem mais vergonha
Mesmo que todo mundo esteja contra
Deixe a aparência e pegue o sentido

E sinta o que levo aqui dentro

"Me viva sem medo agora, mesmo que todo mundo esteja contra"


Nenhum comentário: